Seja bem vindo/a. A mesa da poesia está posta. Sirva-se.

domingo, 11 de novembro de 2012

O vinho do Paraíso

imagesCASH5CMO

Deu Deus, a Adão, para, por bem, o alegrar

Eva, a primeira mulher, ser fascinante

E também vinho do Éden, inebriante

Que acabariam por Adão condenar

 

Adão, por Eva se deixou apaixonar

Caindo na frágil condição de amante

E ainda no Éden, já de Deus distante

Usou o vinho para se embriagar

 

Por isso, vida de homem é provação

E o vinho e a mulher bons agasalhos

Que, se bem-amados, levam à salvação

 

Vinho com moderação, fora dos trabalhos

A mulher sempre presente e com paixão

Seja o homem criança ou já grisalho

 

^^^^^^

1 comentário:

  1. Um soneto muito belo. Sempre que mergulhamos nas nossas raízes os primeiros humanos servem-nos de inspiração.
    O homem, a mulher e o vinho fazem a felicidade se lhe juntarmos sonhos imaginação e muitos carinhos.

    Deus fica de fora a ver e a divertir-se...será...???

    ResponderEliminar