Seja bem vindo/a. A mesa da poesia está posta. Sirva-se.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Vou ali e já volto




Vou ali
e já volto

Ali
ao virar de uma esquina da vida
a uma terra prometida
a um qualquer sítio da Internet
que promete

Vou comprar fósforos
tabaco
e o jornal

Sal para temperar o jantar
que o que havia em casa
se esgotou

Podem ir comendo a sopa
e a comida que está na copa
não me demoro
embora não saiba bem
aonde vou

Talvez procurar uma mulher a quem amar
um homem que mais me ame
alguém que me chame
para viajar
não importa a que lugar

Poderei tropeçar num sonho
num simples poema
qual o problema?

Podem ir comendo a sopa
não será demorada
a minha demora

Preciso mesmo é de apanhar
ar
de sair daqui para fora

^^^^