Seja bem vindo/a. A mesa da poesia está posta. Sirva-se.

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Amo e penso, logo existo.


 


A vida é uma tristeza viva
quando se não anda enamorado
ou não se ama ninguém

Eu tão pouco sei se existo
aborreço-me em qualquer lado
por isso de amar
não abdico

No prazer me confundo
na dor anseio fugir de mim
e esquecer o mundo

Só pensar
nada me diz

Pela via do amor
porém
vou  além da vida
e da morte
encontro o rumo
e o norte
sou eu
porque sou
feliz

Com o amor, assim
me identifico

Amo
e penso
logo existo

1 comentário:

  1. Espaço magnífico de sentimentos....pensar, poetar, existir sempre sempre!!! Abraços <3

    ResponderEliminar