Seja bem vindo/a. A mesa da poesia está posta. Sirva-se.

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

A mulher não é flor que se cheira




A mulher não é teta
nem ventre
nem vagina
nem coxa
nem bunda
ou flor que se cheira

Tudo isso é treta

A mulher é mãe
esposa
filha
tia
irmã
avó
amiga
amante

Ou só cidadã
casada ou solteira

Sem ela
o homem
nem sequer seria

A mulher é amor
é tristeza e dor
alegria e pena
sonho
poesia
Virgem Maria

O Homem-Deus sem Ela
não existiria

Sem a mulher
o amor
se acontecesse
não teria sabor
e seria
pela certa

monocolor 
 
in "Mulheres de Amor Inventadas"

7 comentários:

  1. Mulher
    És mais bela que uma aurora boreal
    És paz, sol e mar
    Explosão do vento em ondas que vão e vem
    Mar de amor a inundar corações
    Emoção entre emoções
    Bela, carinhosa e prosa
    Emana de seu corpo perfume das rosas

    ResponderEliminar
  2. Agradeço a sua visita, distinta amiga Orides e aplaudo o seu poema.
    abraço

    ResponderEliminar
  3. Amigo Poeta,
    Muito bom o seu poema, oxalá todos assim pensassem sobre a mulher e também agissem.
    Pois se isso acontecesse não teriam até agora morrido 37 mulheres à mão de homens, seriam mesmo homens?
    Grata pelo seu poema
    Votos de bom fim de semana
    Beijinhos
    Susana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É trágico e vergonhoso que haja mulheres a sofrer ás mão de companheiros bestializados, como é lamentável que a mulher continue a ser encarada como um mero objecto de prazer. Obrigado pela sua presença, distinta amiga Susana e pelo seu justíssimo comentário. Felicidades. Bjs

      Eliminar
  4. Muito bem. De acordo. Foi sempre assim que eu vi as mulheres e sempre as considerei iguais aos homens, quer em direitos e deveres, quer em dignidade. Mas um bocadinho de humor, de vez em quando, também não faz mal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço, meu caro amigo Emídio, a sua visita e o seu objectivo e justo comentário. Abraço.

      Eliminar

  5. _ Sou mulher de mil faces e mil e uma incertezas ... sou uma forte/fraca e há mais amor no meu coração do que as milhagens das Muralhas da China

    ResponderEliminar