Seja bem vindo/a. A mesa da poesia está posta. Sirva-se.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Os mais belos poemas de amor são escritos por quem não ama ou nunca amou





Há poemas de amor
quiçá os mais belos
que são textos paralelos
escritos por quem não ama
ou nunca amou
ou
em rigor
a si mesmo se engana

Embora também haja quem escreve
sem saber que o faz
embora sem ser falaz

Vive na ilusão
no desejo frustrado
na esperança sem ensejo
na eterna aspiração
quiçá na simples fantasia
melhor dizendo
não desfazendo
na mais pura poesia

Esta a razão principal
pela qual
há tantos poetas a fingir
para fugir
ou se esconder
a escrever sem querer
tão fantasiosa poesia amorosa
tão imaginária dor
cor de rosa

Quem ama verdadeiramente
sofre inevitavelmente
em seu enamoramento
e nem sempre tem talento
nem tempo
nem vontade
para dar publicidade
ao seu sofrimento

10 comentários:

  1. Aos felizes no amor, estão ocupados a vivê-lo em sua plenitude; aos escritores e poetas, geralmente dados ao ostracismo, cabem idealizar aquilo que gostariam, efetivamente, de viver.

    ResponderEliminar
  2. Distinto amigo Ediloy
    Essa também é a minha leitura. Agradeço a visita e as palavras amáveis. Abraço

    ResponderEliminar
  3. Concordo consigo caro e estimado poeta, adorei a sua poesia.

    ResponderEliminar
  4. Estimada amiga Thereza
    Escrever poesia também é um forma de amar. Obrigado pela sua visita. Abraço.

    ResponderEliminar
  5. Para quem não conhece o verdadeiro amor,
    Usar toda a força mas não encontrar espaço.
    Encontrá-lo num circulo e fechar-se na dor,
    Frustrado e se afastar perturbado pelo cansaço.

    Abraço. Bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agradeço, distinto amigo António, a sua visita e aplaudo a beleza do seu comentário. Abraço.

      Eliminar
  6. Obrigada, por te dares a conhecer. Gostei do que li. Abraço

    ResponderEliminar
  7. Se quiseres fazer o favor de passar pelo meu BLOG...

    www.OblogdaMia.blogspot.com

    ResponderEliminar
  8. Eu é que agradeço a tua visita, distinta amiga Mia. Passarei pelo teu blog com todo o gosto. Abraço.

    ResponderEliminar
  9. Bom Dia Amigo,
    Começo com este pedaço do seu poema " Muitos poemas de amor
    quiçá os mais belos
    são textos paralelos
    escritos por quem não ama
    ou nunca amou"
    ou então os belos poemas de amor são de um amor sonhado, um amor idealizado, por ventura nem existe! O sonho comanda a vida, já dizia o poeta.
    Gostei do seu poema
    Votos de bom domingo

    ResponderEliminar